casamento-judaico

Casamento Judaico: Algumas Curiosidades

Todo mundo sabe que os anéis de noivado e alianças de casamento têm um significado da promessa que um casal faz para construir um futuro juntos. Cada religião tem seus rituais e peculiaridades, mas uma especificamente nos chama muita atenção: a do casamento judaico.

poesie-anel-noivado

É ele quem dá o propósito e significado mais profundo desta celebração. Seus rituais simbolizam a beleza do relacionamento entre o marido e a esposa e o amor que o casal expressa durante toda a preparação do matrimônio. Na cultura judaica, o noivo é chamado de Chatan e a noiva é conhecida como Kallah.

Casamento Judaico

Uma grande curiosidade desse casamento é que ele não tem obrigação de ser realizado em uma sinagoga; geralmente são feitos ao ar livre. O altar dos judeus é chamado de Chupá – uma estrutura com quatro pilares, aberta dos lados e coberta por cima que remete passado, presente e futuro do casal, proporcionando um novo lar para eles, cercado pela família e amigos especiais. Quando a noiva chega ao Chupá, ela precisa dar sete voltas ao redor de seu noivo com o rosto coberto; se entende deste ritual a construção das paredes da nova casa do casal.

O dia do casamento dos judeus é considerado um Iom Kipur, onde os erros do passado tanto do noivo quanto da noiva são perdoados. A cerimônia é conduzida por um rabino e pelo razan, homem mais velho com experiência na comunidade; os homens usam o Kipá – aquele pequeno chapéu em forma de circunferência que traduz respeito e temor a Deus. A noiva costuma vestir cores claras que representam vida nova e pureza. Outro momento marcante do enlace é a quebra do copo pelo noivo. Todos os convidados gritam “Mazel Tov” – que significa sorte. O copo, que é colocado no chão, quando quebrado, faz ilusão ao equilíbrio entre os momentos felizes e tristes que serão enfrentados ao longo da vida. Toda a festa costuma ser bastante animada.

Casamento Judaico

Na hora de entregar o anel – que é feito de ouro puro, sem desenhos ou ornamentos – o noivo deve dizer: “Eis que você está prometida a mim com este anel, de acordo com a Lei de Moisés e Israel”. Quando ele entrega o anel de casamento para sua amada, este declara a ela que está prometida em casamento a ele com o anel, de acordo com a Lei de Moisés e Israel. A tradição mostra que o anel é colocado no dedo indicador da mão direita da noiva.

Sem dúvida nenhuma, é um dos casamentos mais bonitos e emocionantes que existe. O amor que se vê e se sente mora nos detalhes. Nas palavras. Na presença daqueles que amamos. Mistura de lágrimas, sorrisos e emoções a flor da pele remetem no que conhecemos como o momento mais inesquecível na vida de qualquer casal.

A festa também é bastante animada, incluindo a tradicional dança dos noivos nas cadeiras.

casamento-judaico-2

Al Ojeda Photography

Artigos relacionados

Um comentário

  • Lupércio Albuquerque 30 de novembro de 2018   Reposta →

    Muito lindo.

Deixe um comentário

Compartilhe com um amigo