atomium-belgica-bruxelas-lua-de-mel-passeios-capa

Dicas valiosas para sua lua de mel na Bélgica (Bruxelas, Bruges e Antuérpia)

Se vocês procuram uma viagem de lua de mel que foge do tradicional, ir para a Bélgica é uma ótima escolha e proporcionará novas experiências. Por isso, destacamos várias opções do que fazer em cada uma dessas cidades: Bruges, Bruxelas e Antuérpia. A lua de mel na Bélgica será inesquecível.

poesie-banner

Bruxelas

Bruxelas é a capital da Bélgica e onde vocês encontrarão mais atrações. O acesso a todas elas poderá ser feito por metrô. A linha metroviária deles é bastante completa e levará vocês tranquilamente a todos os pontos de interesse.

Parque do Cinquentenário

Um parque super agradável para uma caminhada de manhã cedo. Lá, vocês encontrarão jardins, lagoas e cachoeiras, além de uma arquitetura riquíssima dos edifícios ao redor do parque encomendada pelo rei Leopoldo II. No parque, existe também um Arco do Triunfo construído em 1905.

parque-do-cinquentenario-bruxelas-belgica-lua-de-mel-passeios

Via Michelin

Museu dos Instrumentos Musicais

Visitar o museu dos instrumentos musicais é uma parada obrigatória em Bruxelas, inclusive para casais que não têm muita afinidade com passeios a museus. O museu é riquíssimo e possui um acervo interativo. Ao chegar no local, vocês receberão um aparelho no qual poderão ouvir o som de grande parte dos instrumentos expostos. É um passeio rápido e muito interessante, sem contar a arquitetura Art Noveau do prédio onde fica o museu.

museu-dos-instrumentos-musicais-bruxelas-lua-de-mel-na-belgica

Imagem cedida por Amanda

Museu do Cacau e do Chocolate

Esse passeio, sem dúvida, agradará a todos. O museu está localizado bem no centro da cidade, e o tempo de visita, com certeza, vai depender de vocês. O museu conta com um pequeno acervo explicando sobre a produção de cacau e chocolate, porém, o grande diferencial é poder assistir a uma demonstração de como são feitos os chocolates artesanais.

museu-do-cacau-e-do-chocolate-bruxelas-belgica

Imagem cedida por Amanda

Restaurantes nas vielas do centro

No centro da cidade, existem vielas com milhares de restaurantes para escolher tanto na hora do almoço quanto da janta. Uma dica do que pedir é a iguaria local, mexilhões com fritas, mas para quem não aprecia este prato, existem diversas opções de comidas nos cardápios.

mexilhoes-com-fritas-belgica-lua-de-mel-dicas-do-que-comer

Recipes Bnb

Manneken Pis

Uma estátua de bronze de um menininho fazendo xixi, famosa por trocar de roupas diversas vezes por ano. É uma parada rápida para tirar uma foto fofinha. Nas proximidades, existe um museu onde ficam expostas mais de 800 roupas dele.

Manneken-Pis-Adolphe-Sax-passeio-lua-de-mel-em-bruxelas-belgica

Wikpedia

Waffles

Próximas ao Manneken Pis, existem diversas lojas de chocolates artesanais e também de waffles, que começam custando um euro, tudo vai depender das coberturas que vocês vão escolher. Vale a parada! As vitrines são bastante atrativas e as atendentes fazem na hora o sabor que vocês escolherem para comer quentinho.

waffles-belgas-o-que-comer-na-lua-de-mel-na-belgica-bruxelas

The Happening

Atomium e Mini Europa

Um pouco mais afastados do centro da cidade, mas de fácil acesso com o metrô, ficam o Atomium e a Mini Europa. Dois passeios bastante interessantes para se fazer. O Atomium é um monumento construído para a Feira Mundial de Bruxelas em 1958 e representa um cristal elementar de ferro ampliado em 165 mil milhões de vezes. Sem dúvida, esta é a Torre Eiffel da Bélgica. O Atomium também conta com o elevador mais rápido da Europa. Para quem tem medo de altura, o Atomium é muito mais tranquilo do que a Torre Eiffel por possuir toda sua estrutura fechada. No quesito acessibilidade, ele possui elevador e escadas rolantes para visitar sua parte interna.

Dentro do Atomium, é possível ver a paisagem de Bruxelas e também a estrutura da Mini Europa. A Mini Europa é um parque de diversões privado que possui miniaturas de monumentos importantes da Europa. Ao redor do parque, existem também restaurantes para que o passeio seja completo, inclusive, há um restaurante brasileiro. Mas atenção: caso a viagem aconteça no inverno, verifiquem os dias e horários de funcionamento, pois eles fecham para recesso.

atomium-belgica-bruxelas-lua-de-mel-passeios

Pictures 4rever

Casa Museu Horta

Se vocês apreciam arquitetura, esta casa museu vale muito a pena. Victor Horta foi um arquiteto muito importante para a história da Art Noveau e sua casa é um reflexo de todo seu trabalho e identidade. Atenção também aos dias e horários de funcionamento. As visitas são bastante restritas e geralmente ocorrem no período da tarde. O edifício é patrimônio tombado pela Unesco e possui um acervo interno original projetado por Victor Horta.

A Art Noveau foi uma corrente artística da Belle Époque que influenciou as pinturas, esculturas, arquitetura, elaboração de cartazes, mobiliário e também a joalheria. Na época, a Art Nouveau quebrou barreiras e foi considerada a arte nova. Realizada de forma artesanal, possuía temas inspirados na natureza e em mulheres, além de usarem muitas curvas e chicotes nos desenhos.

museu-horta-belgica-bruxelas-passeio-para-lua-de-mel

Horta Museum

Bruges

A arquitetura da cidade é muito bonita e aconchegante. Perfeita para passeios a pé. Uma dica interessante é aproveitar a hospedagem em Bruxelas e tirar um dia para ir de manhã para Bruges e voltar no final da tarde para Bruxelas. É uma viagem bem curta de trem e vale muito o passeio.

02-bruges-belgica-canais-lua-de-mel

eNoivado

03-bruges-lua-de-mel-parque

eNoivado

Passeio de barco

O passeio de barco em Bruges é uma oportunidade de passar por diversos canais da cidade e apreciar a arquitetura típica de lá. Dizem que Bruges é a Veneza da Bélgica, mas os passeios de gôndola de Veneza são bem diferentes dos passeios de barco feitos em Bruges. Façam os dois se tiverem oportunidades e verão que cada um tem suas características inesquecíveis.

bruges-passeio-de-barco-lua-de-mel-na-belgica

A Path to Somewhere

Para comer e beber

Durante o passeio, aproveitem para apreciar as lojas de cervejas, doces caseiros, chocolates artesanais, licores de chocolate belga e comprar souvenires. Bebam o famoso chocolate quente feito a partir de cubos de chocolate mergulhados em leite puro. Não deixe de ir também à Go.fre e degustar os famosos waffles no palito, a loja é muito charmosas e conta com sabores ímpares.

go.fre-waffle-no-palito-bruges-belgica-lua-de-mel-doces

Go.Fre

Museu do Diamante

O Museu do Diamante, além de contar um pouco sobre a sua história, também tem exposto tudo sobre o universo de diamantes. É bacana visitar tanto para quem é da área quanto para leigos. O museu é pequeno e a visita é bem rápida.

museu-do-diamante-bruges

Diamond Museum

Antuérpia

A Antuérpia é uma cidade pequena e muito charmosa. No centro, aproveitem para traçar os itinerários passando pela famosa rua Meir. Em seus arredores, é possível realizar compras e apreciar diversas atrações. É possível conhecer a cidade a pé e aproveitar o caminho para observar a arquitetura ímpar da Antuérpia. A cidade não é apenas famosa por lapidar diamantes, mas também pela negociação de 80% de diamantes brutos do mundo e 50% dos lapidados.

Estação de trem

Sem dúvida, a estação de trem da Antuérpia é uma das mais lindas da Europa, com seu projeto arquitetônico de Louis Delacenserie. A estação foi inaugurada em 1905 e representa o auge da arquitetura clássica. Quem chega e quem parte da Antuérpia por trem não tem como não parar para apreciar sua rica estrutura detalhada. A estação é tão linda por dentro quanto por fora.

estaçao-de-trem-da-antuerpia-lua-de-mel-na-belgica

Imagem cedida por Amanda

Lojas de diamantes

Ao lado da estação de trem, fica o Distrito do Diamante, onde encontrarão diversas lojas de joias e também fornecedores de diamantes. Na loja Diamond Land, é possível fazer um tour e ver todo o processo de confecção das joias. Divirtam-se!

MAS – Museu Aan de Stroom

Com 10 andares, o museu possui um acervo de obras importantes da cidade. Em cada um de seus andares é possível visitar uma mostra diferente. Vale muito a pena o passeio, principalmente para ver o projeto arquitetônico do prédio, que faz parte da revitalização da região do porto. Fazer um passeio da parte central pela orla para chegar ao museu é uma ótima opção de caminhada.

museu-ann-de-stroom-antuerpia-lua-de-mel-na-belgica

Architectural Review

Rubenshuis – Museu do Rubens

Para quem não sabe, o pintor Rubens, muito famoso por suas obras barrocas, tinha uma casa na Antuérpia, onde morou até sua morte em 1640. Todo o projeto da casa foi elaborado pelo próprio pintor, inclusive seu jardim. Na casa, estão expostas obras do pintor e seu acervo que, além de obras de arte, possui também livros e gravuras.

Aproveitem a parceria com o Museu Mayer Van Den Bergh e comprem os bilhetes juntos para obter descontos nas duas atrações. O Museu possui uma acervo gótico e renascentista bastante interessante.

atelier-rubens-museu-na-antuerpia-lua-de-mel-na-belgica

Rubens Huis

Museu da moda: MoMu

Este museu é sem dúvida um dos mais famosos museus de moda da Europa, primeiro por seu acervo incrível e segundo por sediar a faculdade de moda da Antuérpia. À primeira vista, a arquitetura do prédio do século XIV chama a atenção. Na sequência, as exposições temporárias são a atração principal e dominam os olhares. As exposições são sempre muito interativas e a curadoria é excelente.

Momu-museu-da-moda-antuerpia-lua-de-mel-na-belgica

Thembs Group

Middelhein Museum

Para um passeio ao ar livre, o Middelhein é uma ótima opção. Apesar do parque ser um pouco afastado do centro da cidade, é possível locomover-se de ônibus com facilidade.

Esse parque é chamado de museu porque contém esculturas a céu aberto. Em todos os caminhos do parque é possível encontrar esculturas com identidades bastante diferentes, mas as grandes atrações são as esculturas de Rodin, Renoir e Henry Moore. No parque, vocês encontrarão muitas esculturas contemporâneas e divertidas em meio a esculturas mais tradicionais, como bustos e estátuas de pessoas.

middelhein-museu-a-ceu-aberto-antuerpia-belgica-lua-de-mel-na-europa

Pascal Vyncke

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Compartilhe com um amigo