Este editorial de casamento com uma modelo com Down mostra que o amor é para todos

Em uma sociedade repleta de esteriótipos, é difícil encontrar uma revista de moda ou de noivas na qual as mulheres, em geral, sintam-se representadas. Por este motivo Madeline Stuart, de apenas 18 anos, está fazendo história no mundo da moda, mostrando que há espaço para todos. Ela tem Síndrome de Down e trabalha como modelo. Simples assim.

poesie-anel-noivado

05-madeline-modelo-noiva-moda

A jovem australiana, que foge dos padrões de beleza impostos pelo mundo da moda, protagonizou um belo editorial de casamento, mostrando que vestidos de noiva ficam bem em quem quiser usá-los.

“Muitas mulheres não se imaginam usando vestidos de noiva, já que a as revistas especializadas só usam modelos altas e magras”, diz Isadora Martin-Dye, dona da locação onde o ensaio foi feito.

01-madeline-modelo-noiva

02 madeline-modelo-noiva-noivo

No começo a mãe da modelo, Rosanne Stuart, não queria que ela participasse do projeto, mas depois percebeu que esse ensaio seria mais uma forma de mostrar ao mundo que pessoas com deficiência podem se apaixonar, namorar e até se casar.

“Eu acho engraçado que as pessoas não entendam isso. Como é que alguém com deficiência pode amar os pais e os irmãos, como qualquer pessoa, mas pode não amar um namorado ou marido? Essa é uma necessidade básica do ser humano, com deficiência ou não”- diz Rosanne.

03 madeline-modelo-noiva-noivo

04 madeline-modelo-noiva-noivo-ensaio-casamento

06-houston-photography- madeline-modelo-noiva

Segundo Madeline, a exposição ajuda a criar aceitação, por essa razão, trabalhar como modelo mudará o jeito com que as pessoas enxergam as pessoas com síndrome de down.

Vale visitar o site da Madeline para conhecer mais sobre ela e sobre o seu trabalho como modelo.

Fotos via: Instagram / Sarah Houston Photography

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Compartilhe com um amigo