buques-historia

Como os buquês de casamento mudaram com o passar das décadas

Se a pesquisa pelo buquê de casamento perfeito está prestes a começar, saber um pouquinho sobre a história deles aos longo das décadas será uma informação importante para você.

poesie-anel-noivado

A história da moda avança em paralelo aos acontecimentos históricos do mundo. É muito interessante observar que os buquês de casamento sofreram fortes influências culturais de cada época e também perceber o papel importante da celebridades.

Aqui, você irá se inspirar e entender um pouco sobre as mudanças nos buquês de casamentos de 1900 até a década de 2010.

1900

Em 1900, os buquês eram feitos com rosas brancas, orquídeas, lírios e flores de laranjeira. Os buquês mais alongados eram populares. O vestido de noiva tinha bastante detalhes, assim como os buquês da época.

1900-casamento-buque-de-casamento-tendencia

Pinterest

1910

Nos anos 1910, os buquês passam a ser menos alongados, dando espaço para modelos mais redondinhos. Normalmente, eram compostos por lavandas, jasmins, rosas e hortênsias.

1910-buque-de-casamento-vintage-casamento

Hip Postcard

1920

Na década de 20, os buquês ficam maiores e muito mais chamativos. São colocadas fitas amarradas e penduradas quase até o chão como se fossem serpentinas. As flores mais utilizadas eram a flor de laranjeira e crisântemo.

1920-buque-de-casamento-com-fitas-penduradas-vintage

Ebay

1930

Devido à situação econômica mais complicada, a década de 1930 foi um período difícil para muitas noivas. A única opção que elas tinham era usar flores locais para confeccionar seus buquês. Os buquês eram mais simples, mas ainda assim estavam presentes.

1930-buque-de-casamento-historia-da-noiva

Hip Postcard

1940

Durante a guerra, era raro observar um buquê em casamentos. Normalmente, as noivas que faziam questão de ter um buquê improvisavam com flores que cresciam na terra em que elas cultivavam comida.

O casamento real da rainha Elizabeth, em 1947, mostrou uma realidade que muitas noivas não puderam ter. A rainha virou aspiração para muitas noivas da época que gostariam de ter ou ter tido um casamento como o dela. A realeza comumente utilizava lírios e orquídeas, mas também rosas cultivadas nos jardins.

1940-foto-de-casamento-detalhe-buque-vintage

Harrold e Muriel,1940 por Gawler History

1950

Na década de 1950, os buquês se tornam grandes e vistosos, acompanhando o visual da época. Geralmente feitos com flores locais, os buquês de casamento tinham suas flores escolhidas de acordo com a disponibilidade da estação. Nesta época, Jackie Kennedy foi a musa inspiradora das noivas com seu lindo vestido e exuberante buquê.

1950-casamento-jackie-kennedy-celebridades-historia-do-vestido-de-noiva

Casamento Jackie Kennedy, 1953 por Tatler

1960

Como a moda é cíclica, os anos 1960 trazem de volta buquês menores, mais simplificados e muito delicados. O estilo do buquê começou a variar um pouco. Enquanto alguns eram requintados, brilhantes e elegantes, outros continham flores e folhagens mais selvagens, sem brilho e eram montados de forma assimétrica.

1960-princesa-margaret-e-seu-marido-antony-armstrong-buque-de-casamento

Town and Country Mag

1970

Nos anos 1970, a variedade de buquês era ainda maior. Muitas noivas optavam por buquês tradicionais e simplificados, enquanto outras investiam em buquês brilhantes, chamativos, com cores contrastantes e bastante estilosos.

1970-historia-da-moda-vestido-de-noiva

Flickr

1980

Na década de 80, o buquê mais utilizado como referência mundial foi o buquê do casamento da princesa Diana. Um buquê grande, branco e em formato cascata. Todas as noivas da época queriam um buquê igual ao dela.

1980-buque-princesa-diana-inspirou-uma-decada

Vogue

1990

Na década de 90, o buquê de casamento segue com o ar requintado dos anos 80. O buquê é arrumado e chique, acompanhando o visual da época, sendo que muitas noivas continuam seguindo o visual de noiva princesa. As flores eram claras, em tonalidades apagadas e tons pastel. Normalmente, eram inseridos acessórios como joias em meio às flores para complementar o buquê.

Mas há quem fugisse da regra requintada e arrumadinha. Mariah Carey, por exemplo, ousou com seu buquê despenteado, inspirado no buquê da princesa Diana. As inspirações no casamento da princesa Diana permanecem até os dias de hoje, sem dúvida, um ícone na história da moda.

1990-mariah-carey-casamento-vestido-de-noiva-da-decada-celebridades

Casamento Mariah Carey por People

2000

Nos anos 2000, o mercado de casamentos cresce e dá espaço a diversas inovações visuais, tanto com relação ao modelo do vestido quanto ao tipo do buquê da noiva. São tantas opções e referências no mercado que os buquês mais exóticos ganham espaço como forma de diferenciação. Com flores tropicais coloridas como a Strelitzia ou até mesmo com uma mistura colorida de flores do campo.

2000-buques-de-casamento-coloridos-sthefany-brito-igor

Casamento Sthephany Brito por It baphonica

2010

Dos anos 2010 em diante, as flores estão presentes em todas as temporadas. A facilidade de transporte e armazenagem possibilitaram a noiva de escolher a flor que ela quiser. Detalhes como penas, joias, conchas, origamis ou acessórios ganham espaço, inovando nos buquês de casamento inusitados. Buquês de flores de tecido e buquês de cristal são algumas das opções.

2010-casamento-justin-timberlake-jessica-biel-buque

Casamento Justin Timberlake e Jéssica Biel por Fashionismo

A partir de agora está tudo liberado. Você pode se inspirar na história e escolher um buquê de casamento retrô, pode se inspirar nos buquês de casamento de celebridades, pode escolher a flor que você mais gosta, misturar tonalidades diferentes e inclusive ter um buquê feito artesanalmente sem flores naturais. Aproveite para ver fotos antigas do casamento de seus familiares para se inspirar também.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Compartilhe com um amigo